Pix muda funcionalidade a partir desta terça-feira (16)

Pix muda funcionalidade a partir desta terça-feira (16)
Foto: Reprodução

Primeiro ano da ferramenta do Banco Central ganha novas funções.

A partir desta terça-feira (16), entra em vigor o Mecanismo Especial de Devolução do Pix, que agilizará o ressarcimento ao usuário vítima de fraude ou de falha operacional das instituições financeiras.

O sistema de pagamento instantâneo do Banco Central (BC) completa um ano.

Antes da mudança, em uma eventual fraude ou falha operacional, as instituições envolvidas precisavam estabelecer procedimentos operacionais bilaterais para devolver o dinheiro. Segundo o Banco Central, isso dificultava o processo e aumentava o tempo necessário para que o caso fosse analisado e finalizado. Com o Mecanismo Especial de Devolução, as regras e os procedimentos serão padronizados.

A partir do dia 29 estarão disponíveis o Pix Saque e o Pix Troco, que permitem o saque em espécie e a obtenção de troco em estabelecimentos comerciais e outros lugares de circulação pública.

O Banco Central ainda pretende estender o iniciador de pagamentos ao Pix. Por meio dessa ferramenta, existente para pagamentos por redes sociais e por aplicativos de compras e de mensagens, o cliente recebe um link com os dados da transação e confirma o pagamento.

Com (Portal T5)