Usuário denuncia cobrança da Uber de quase R$ 1.000 por viagem que custaria menos de R$ 50 dentro de João Pessoa

Usuário denuncia cobrança da Uber de quase R$ 1.000 por viagem que custaria menos de R$ 50 dentro de João Pessoa

Segundo o cliente da Uber, o produtor e DJ Adriano Gomes, ele pediu uma corrida de Mandacaru até o Aeroclube e adicionou um destino no Portal do Sol para deixar um amigo em casa.

Um usuário denunciou uma cobrança da Uber de quase R$ 1.000 por viagem que custaria menos de R$ 50 dentro de João Pessoa. Segundo o cliente do aplicativo, o produtor e DJ Adriano Gomes, ele pediu uma corrida do bairro de Mandacaru até o Aeroclube e adicionou um destino no Portal do Sol para deixar um amigo em casa.

“E a @Uber_Brasil que simplesmente cobrou mais de mil em uma corrida pequena e ainda deu a desculpa que tava preço dinâmico. Não tem lógica nenhuma, nem que tivesse percorrido João Pessoa todinha daria esse valor. E eles continuam reforçando algo que não existe. Eu vi o valor antes de pedir e tava sendo em faixa de R$22, então mesmo com a dinâmica de 2.2 como eles falando, não tem lógica nenhuma. Que atendimento lixo @Uber_Brasil”, declarou o produtor e DJ, nas redes sociais, na tarde do último sábado (11).

A viagem, que custaria menos de R$ 50, acabou sendo cobrada pelo valor de R$ 1.081,39, com desconto de R$ 108,21 e custo final de R$ 973,93. Adriano repercutiu o assunto nas redes sociais e recebeu diversos comentários de amigos e também resposta da Uber, a qual o chamou para resolver o assunto no chat particular.

Um amigo chegou a simular uma viagem de João Pessoa para Campina Grande e mostrou que nem entre as duas cidades da Paraíba a corrida custaria R$ 973, conforme foi cobrado a Adriano pela Uber. A viagem seria de R$ 299 entre Campina e João Pessoa, conforme simulado no app.

A mensagem mais recente de Adriano Gomes, publicada ontem (13), diz o seguinte: “Gente, muito obrigado por todo apoio. Passando para atualizar vocês de que a Uber ainda não resolveu. Agora o próximo passo é realmente entrar na justiça pleiteando ressarcimento em dobro e a indenização.”

Ao ClickPB, a Uber informou, nesta terça-feira (14) que “após ter a viagem confirmada, o usuário solicitou uma alteração de trajeto para incluir uma nova parada localizada em outro município, a mais de 150 quilômetros de distância do endereço de origem, por isso a diferença de valor. De qualquer forma, como a viagem não seguiu o novo trajeto solicitado, um novo valor foi recalculado e o excedente será ressarcido ao usuário.”